RECEBA NOSSAS NOVIDADES! CADASTRE-SE

TRAVELLING

9 Vulcões violentos

Por: Redação Nine INDIQUEIMPRIMIR

9 Vulcões violentos

9 Vulcões violentos


9 VULCÕES VIOLENTOS Vulcão é uma estrutura geológica criada quando o magma encontra sua rota de fuga para a superfície. Estes bravos gritos da natureza formar-se em sua maioria nas junções das placas tectônicas. A palavra “vulcão” deriva do nome do deus do fogo na mitologia romana, Vulcano. Vamos enumerar nove dos escolhidos por nossa redação, os quesitos foram beleza e força, uma mistura que enche os olhos do homem há muito tempo. 1 – PLANALTO DE DECCAN, ÍNDIA. Um enorme campo de lava no Planalto de Deccan, Índia, cobre uma área de aproximadamente de 1,5 milhões de quilômetros. Seu apogeu foi a mais ou menos, 63 milhões de anos atrás e coincide com o desaparecimento dos dinossauros. 2 – PARQUE YELLOWSTONE, EUA A câmara de magma de Yellowstone fornecem ao parque enormes gêiseres, conforme a água é aquecida pelo magma procura refugio para aliviar a pressão. Pesquisadores previram que o vulcão explodirá mais uma vez, uma catástrofe que cobriria metade dos EUA com cinzas. O “bravinho” parece entrar em atividade uma vez a cada 600.000 anos, embora essa previsão seja uma premonição! 3 – THERA, SANTORINI, GRÉCIA Santoríni (ou Thíra, ou Thera) é uma ilha grega no Mar Egeu com área de 76 km². A bela paisagem local é o resultado da violenta explosão de um vulcão há cerca de 1630 a.C. Santorini e as ilhas em volta são parte de uma enorme cratera. A principal cidade é Thera (ou Firá), também principal centro turístico de Santoríni. Belas praias fazem parte do espetáculo da natureza em Perissa, Kamari, Perivolos, Vlihada e Red beach. 4 – MONTE VESÚVIO, ITÁLIA Localizado no Golfo de Nápoles, Itália, é o único vulcão no continente europeu a ter entrado em erupção nos últimos cem anos. Os dois outros principais vulcões ativos da Itália, o Etna e o Stromboli, estão localizados na Sicília. O Vesúvio é mais conhecido pela erupção em 79 d.C., protagonista da destruição das cidades romanas de Pompeia e Herculano. A localização das cidades foi perdida, até serem acidentalmente descobertas, no final do século XVIII. 5 – MONTE LAKI, ISLÂNDIA Terra de muitos vulcões o vulcão Laki, fez sua fama em 1783. A erupção libertou gases que foram levados pela corrente do Golfo para a Europa. Nas Ilhas Britânicas, muitas pessoas morreram de intoxicação. A Islândia passou fome com o ataque das cinzas na agricultura e pecuária, um quinto da população veio a falecer. 6 – MONTE TAMBORA, INDONÉSIA A explosão do Monte Tambora foi a maior já registrada, classificada no grau nº7, o vulcão ainda está ativo, está localizado na ilha de Sumbawa um dos picos mais altos do arquipélago indonésio. A erupção explodiu tão alto que foi ouvida na ilha de Sumatra, a quase 2.000 quilômetros de distância. O número de mortos foi estimado em 71.000. 7 – KRAKATOA, INDONÉSIA 26 de Agosto de 1883. A explosão criou um tsunami, com 40 metros e matou cerca de 34.000 pessoas. Medidores de maré registraram que a cerca de 11.000 quilômetros de distância, na península Arábica, houve aumento na altura das ondas. Este vulcão ficou famoso com o filme Krakatoa, o Inferno de Java. 8 – MONTE NOVARUPTA, ALASCA Um vulcão, parte de uma cadeia, na península do Alasca, Anel de Fogo do Pacífico. Foi a maior explosão vulcânica do século 20. A erupção atirou 12,5 quilômetros cúbicos de magma e cinzas no ar, cobrindo uma área de 7.800 quilômetros quadrados e mais de um metro de profundidade. 9 – MONTE PINATUBO, FILIPINAS Ele esta ativo e localizado na ilha Luzon, Filipinas, entre as fronteiras das províncias de Zambales, Bataan, e Pampanga. A explosão cataclísmica do Pinatubo foi clássica. A erupção atirou mais de 5 quilômetros cúbicos de material no ar e criou uma coluna de cinzas com 35 quilômetros de altura. As cinzas se acumularam tanto, que alguns telhados desmoronaram com o peso. Amigos, vulcões existem a milhares de anos e já causaram grandes devastações na terra. Por isso a terra não vai acabar por causa deles e sim conviver com sua força.

Comentários

2010-2013 Revista NINE - Todos os direitos reservados.

contato@revistanine.com.br
desenvolvido por Natus Tecnologia