RECEBA NOSSAS NOVIDADES! CADASTRE-SE

COMPORTAMENTO

VARIZES

Por: o Dr. José Augusto de Jesus RibeiroINDIQUEIMPRIMIR

VARIZES

ESCLEROTERAPIA

Esse é o procedimento mais difundido entre os médicos. Consiste em injeções com líquido esclerosante para secar os vasos doentes. Quando aplicadas por um cirurgião experiente, elimina até 80% dos vasinhos pequenos e de baixa pressão.

CRIOESCLEROTERAPIA

Alia a escleroterapia a algum agente resfriador. Pode ser feita com o resfriamento da seringa com uma cápsula gelada ou com jatos de ar a 20 graus negativos. É mais eficaz do que a escleroterapia simples e, como reduz a sensibilidade do paciente, acaba causando menos dor. No entanto, exige maior habilidade do médico para a aplicação da injeção e do agente resfriador ao mesmo tempo.

CIRURGIA

O Brasil é o país mais avançado neste método, que se tornou bastante seguro graças às melhorias da técnica cirúrgica e ao grande avanço na área de anestesia. Adequada para a retirada de veias maiores ou veias matrizes, que alimentam vasinhos pequenos. O resultado estético é muito bom. Se feita por um profissional competente e experiente, os riscos de complicações são mínimos.

LASER TRANSDÉRMICO

Há 30 anos os aparelhos a laser queimavam a pele e deixavam manchas. Os equipamentos de hoje eliminaram este problema, já que emitem luz absorvida 30 vezes mais pelo sangue do que pela pele. Existe também a variante Cryo laser, que utiliza jatos de ar congelado que reduzem a dor em 100% dos casos. Trata vasos de forma não-invasiva até em áreas mais delicadas. Nas pernas, se combinado com injeções de glicose e ar gelado, acaba com vasinhos e varizes de tamanho médio de maneira totalmente segura. O cirurgião Kasuo Miyake - pioneiro nesta combinação - relata que nos últimos três anos mais de 80% dos casos - que antes eram tratados com cirurgia - foram resolvidos na própria clínica.

LASER ENDOVENOSO

Ideal para eliminar varizes de médio e grosso calibre, é uma cirurgia minimamente invasiva que consiste na introdução de uma agulha no interior da veia varicosa levando a fibra ótica do laser de diodo. Pela ação térmica do laser, o vaso é fechado e absorvido pelo organismo.

Comentários

2010-2013 Revista NINE - Todos os direitos reservados.

contato@revistanine.com.br
desenvolvido por Natus Tecnologia